Agende uma consulta

13 termos para saber sobre o seu diagnóstico

Conhecer os termos relacionados ao tratamento oncológico é muito importante

Se você ou um ente querido foi diagnosticado recentemente com câncer, pode estar ouvindo muitos termos como estágio, grau, prognóstico ou doença residual mínima. Mesmo que já tenha ouvido termos relacionados ao diagnóstico e tratamento do câncer antes, é importante entender completamente o que eles significam.

Existem muitas escolhas pessoais que acompanham um diagnóstico de câncer, por isso, pacientes e seus entes queridos devem se educar o máximo possível para tomar as decisões certas. Nem todo câncer é igual, e o melhor tratamento deve sempre ser adaptado para cada paciente.

Compreender esses termos pode ajudá-lo a se preparar melhor para o tratamento e moldar sua experiência com o câncer. Aqui, definimos treze palavras comuns sobre câncer que todos os pacientes e cuidadores devem saber.

Prognóstico: estimativa do sucesso do tratamento com base em dados de pacientes anteriores que tiveram diagnósticos e tratamentos semelhantes. Embora o prognóstico não seja uma garantia, ele dá uma ideia aproximada da expectativa de vida. Isso ajuda os pacientes e sua equipe de atendimento a trabalharem juntos para decidir o melhor tratamento para atender às metas de atendimento de um paciente. Para alguns pacientes isso significa trabalhar sem evidência de doença, mas, para outros pacientes, pode significar controlar a dor do câncer ou até mesmo comparecer ao casamento de uma neta.

Grau: é a rapidez com que as células cancerosas se dividem e um tumor cresce com base na aparência das células tumorais vistas por patologistas sob um microscópio. Quanto mais rápido as células cancerosas se multiplicam, maior é o grau. Se as células estão duplicando rapidamente, um tumor pequeno pode ter um grau mais alto do que um tumor grande com células que não estão se multiplicando tão rapidamente. O grau de um câncer ajuda a definir seu estágio em alguns tipos de câncer, como o câncer de mama.

Estágio: refere-se a quanto um câncer se espalhou de seu local original no momento do diagnóstico. O câncer de mama e alguns outros cânceres podem começar no estágio 0, conhecido como carcinoma in situ. Mas muitos cânceres variam do estágio I ao estágio IV. Os cânceres têm critérios de estadiamento estritamente definidos. Para o câncer de mama, o estadiamento é calculado com base em vários fatores, como tamanho e grau de um tumor, quantos linfonodos são afetados e biomarcadores, como receptor de estrogênio, receptor de progesterona, expressão de HER-2. Uma vez que sua equipe de atendimento tenha determinado o tipo de câncer e seu estágio, eles poderão recomendar as melhores opções de tratamento para você.

Histologia: aparência de células tumorais sob um microscópio. Com uma biópsia, um pedaço de tecido do tumor é removido e examinado ao microscópio para determinar a arquitetura e a aparência únicas do câncer. Testes adicionais são então realizados para determinar o tipo e o subtipo de um câncer.

Progressão da doença: o câncer está se espalhando ou crescendo. Com tumores sólidos, isso é determinado por meio de exames de rotina durante o tratamento, mas alguns pacientes percebem a progressão na medida em que desenvolvem novos sintomas ou piora. Alguns exames de sangue também podem ser usados para fornecer mais informações sobre a progressão da doença.

Localmente avançado: quando o câncer se espalhou para os linfonodos próximos ao local original do tumor. Se o câncer se espalhou para outros órgãos ou linfonodos mais distantes do local original, é chamado de doença metastática distante.

Invasivo: quando o câncer é isolado em uma área específica, como dutos de leite dentro da mama, é considerado não invasivo e referido como in situ. O câncer é considerado invasivo quando cresce além do limite arquitetônico natural do local original do tumor. Isso será determinado quando o patologista revisar sua histologia.

Carga tumoral: quanto câncer você tem em seu corpo. Pacientes com alta carga tumoral podem ter vários tumores em diferentes locais do corpo. A carga tumoral é geralmente usada para descrever diagnósticos de câncer mais avançados.

Refratário: descreve o câncer que não está respondendo ao tratamento. Isso pode acontecer no início do tratamento ou o câncer pode se tornar resistente ao tratamento após o paciente ter sido submetido a várias terapias diferentes.

Doença residual mínima: termo usado comumente com câncer de sangue, como leucemia ou linfoma, para se referir a um nível muito pequeno de células cancerígenas remanescentes. Tem um rigoroso critério de teste. Essa denominação não é comumente usada para tumores sólidos.

Resposta mista: é quando os tumores de um paciente apresentam respostas diferentes ao mesmo tratamento. Às vezes, um local do tumor responde ao tratamento e fica menor, enquanto outro tumor em outras partes do corpo cresce.

Recaída/Recidiva: o câncer retornou após o tratamento. Isso pode ocorrer a qualquer momento após o tratamento, mas se você tiver uma recaída muitos anos após o tratamento bem-sucedido, sua equipe de atendimento pode querer investigar se este é o mesmo câncer retornando ou uma doença completamente nova. É importante comparecer aos seus exames depois de concluir a terapia para que seu oncologista possa monitorar uma possível recaída.

Ressecável/Irressecável: se um tumor sólido pode ou não ser removido cirurgicamente. Se um câncer for considerado irressecável, sua equipe de atendimento pode sugerir quimioterapia para encolher um tumor para que seja mais fácil removê-lo cirurgicamente.

Estes são apenas alguns termos que você pode ouvir ao longo de sua experiência com o câncer. Se estiver confuso sobre o que a sua equipe de atendimento compartilha com você, não tenha medo de falar e fazer perguntas. Em última análise, é importante confiar em sua equipe de atendimento como sua fonte de informação.

Por Dra. Caroline de Nadai Costa

Tags

O IOP utiliza cookies e tecnologias semelhantes que nos ajudam a fornecer melhor experiência e navegação. Ao clicar no botão “Concordar” ou continuar a navegar em nosso site, você está ciente e concorda com o uso de cookies.