Cromoterapia: Como as cores ajudam a harmonizar o corpo

18 de abril de 2023

Conhecida como terapia complementar, a cromoterapia é reconhecida pela Organização Mundial de Saúde – OMS desde 1976 e, agora, também está disponível para os pacientes do Instituto de Oncologia do Paraná – IOP. A responsável técnica de Enfermagem da Unidade IOP no Hospital Marcelino Champagnat, Regiane Bastos, explica como a cromoterapia é realizada:

Cromoterapia: como as cores ajudam a harmonizar o corpo

A cromoterapia é um método que se utiliza de cores com objetivo de harmonizar o corpo, atuando em todos os seus níveis. Cada cor possui uma vibração específica e uma capacidade terapêutica que auxilia e promove a saúde e o bem-estar, de forma holística. Conhecida como terapia complementar, a cromoterapia é reconhecida pela Organização Mundial de Saúde – OMS desde 1976.

Há relatos de que culturas antigas no Egito, na China e Índia construíram grandes salões, onde os pacientes eram “banhados” em luzes que eram filtradas através de vários painéis de vidro coloridos ou janelas. Acreditava-se que essa terapia auxiliava a revigorar o corpo cansado. Hoje, os terapeutas especializados em cromoterapia costumam combinar as cores com outras técnicas complementares, como, por exemplo, aromaterapia, ioga, musicoterapia e meditação.

Cores proporcionam ambiente agradável durante espera e aplicação de medicamentos

Segundo especialistas da área, as cores com as quais interagimos podem nos impactar em um nível emocional, mental, espiritual e físico. Todas as pessoas possuem centros de energia no corpo que, estando em harmonia, proporcionam melhor bem-estar. As cores das lâmpadas, principalmente, são utilizadas para fins terapêuticos, visando, com determinadas frequências luminosas, restaurar, manter ou alternar as vibrações do corpo. O objetivo é proporcionar qualidade, tranquilidade e harmonia para a saúde física e mental.

Regiane Bastos, do Instituto de Oncologia do Paraná – IOP, responsável técnica de Enfermagem da Unidade IOP no Hospital Marcelino Champagnat, explica que a cromoterapia é realizada com aparelhos que emitem luz de diferentes cores. O feixe pode ser lançado diretamente na pele ou a pessoa pode ficar em contato com ele dentro de uma sala, podendo estar deitada ou sentada. A escolha do tom depende da indicação do terapeuta ou da necessidade do paciente. “Nosso objetivo quando da implantação do projeto da Cromoterapia para pacientes, familiares e acompanhantes, é propiciar um ambiente agradável, tranquilo e confortável durante a espera e aplicação de medicamentos, promovendo, dessa forma, uma participação favorável no processo de enfrentamento, tratamento e recuperação da doença.”

Saiba quais são as sete cores principais

Vermelho
Símbolo do amor, da paixão e da sedução. A cor vermelha transmite força e coragem, além de estimular as células cerebrais e a combatividade. Em ambientes, pode trazer energia e motivação, mas deve ser utilizada em pequenos espaços com moderação, para não agitar demais

Laranja
É uma cor de regeneração, reconstrução e restauração, ligada à autoestima e aos relacionamentos. É também o tom da alegria, do calor e da vontade. Libera a energia, aviva as emoções e origina bem-estar e satisfação. Sendo, ainda, um estimulante mental, utilizá-la em ambientes de estudo e trabalho favorece a concentração.

Amarelo
Representa calor, alegria e energia. É estimulante, energizante, purificador e eliminador. Estimula a percepção, o intelecto, o raciocínio e a memória. Desperta a esperança e auxilia nas situações de desespero, tristeza e nostalgia.

Verde
Associada à paz, natureza, saúde e abundância, essa cor equilibra o corpo e a mente. Possui propriedades analgésicas, e é bastante utilizada em ambientes hospitalares, justamente por auxiliar e complementar positivamente as terapias convencionais.

Azul
É uma cor suavizante e calmante. Reduz a ansiedade, o estresse, a dor e proporciona o relaxamento e a quietude. É o tom do equilíbrio, da harmonia e da expansão espiritual. Tem efeito relaxante e analgésico.

Índigo/Anil
Equilibra as energias, aprimora a intuição e purifica ambientes. Para a cromoterapia, esse tom é capaz de aumentar a conexão entre as pessoas e equilibrar locais, pois proporciona calma, paz mental e estimula a intuição.

Violeta
É a cor da transmutação de energias, capaz de regenerar um ambiente estressante e/ou um organismo estafado, pois reduz medos e angústias e proporciona estabilidade e equilíbrio.

Saiba como usufruir da cromoterapia durante a aplicação

O projeto de Cromoterapia foi implantado no IOP no final de 2022 e tem como objetivo complementar a terapia convencional e proporcionar bem-estar aos pacientes e familiares.

Para poder usufruir de mais este benefício de maneira individual, basta solicitar às equipes de Enfermagem dos nossos Centros de Infusões antes de iniciar a aplicação.

Siga o IOP nas redes sociais:

Tags