Laser íntimo: tratamento auxilia pacientes oncológicas com menopausa precoce

24 de agosto de 2023

Laser Íntimo: Uma Alternativa para Aliviar os Sintomas da Menopausa em Pacientes com Câncer

A saúde íntima da mulher também é uma preocupação quando se fala da multidisciplinaridade do tratamento oncológico. Muitas pacientes com câncer, mesmo mais jovens, acabam entrando na menopausa devido ao tratamento e não podem usar terapia hormonal. Para diminuir os sintomas, uma das recomendações é o laser íntimo.

 

Promovendo a Saúde Feminina: Tratamento Seguro e Eficaz para Sintomas Vaginais com a Dra. Sabrina Godoy

O tratamento é realizado no IOP (Instituto de Oncologia do Paraná), pela Dra. Sabrina Godoy, ginecologista. A tecnologia, segura e eficaz, auxilia na promoção da saúde feminina. “O procedimento ajuda a aliviar os sintomas de incontinência urinária leve, atrofia e ressecamento vaginal secundários ao hipoestrogenismo. O intuito é aumentar a produção de colágeno e proporcionar maior lubrificação e elasticidade das paredes vaginais que diminuem com a idade ou pela circunstância”, explica.

Segundo a especialista, o objetivo é ter uma resposta mais duradoura do que com cremes vaginais. “São três sessões com intervalo de um mês (casos de atrofia severa podem precisar de mais sessões), além da manutenção anual. A aplicação é feita de forma intravaginal (indolor) e na vulva (após anestésico tópico)”, complementa Dra. Sabrina.

Mais informações, pelo WhatsApp (41) 98746-1993.

Sobre o IOP – Instituto de Oncologia do Paraná

Com quatro sedes estrategicamente localizadas em Curitiba (PR), o IOP (Instituto de Oncologia do Paraná) comemora seus 28 anos de fundação. Hoje a empresa faz parte de uma holding, o Grupo Med4U. Além do IOP, estão no guarda-chuva o Mantis Diagnósticos Avançados, o Valencis Centro de Paliativismo, o Centro de Pesquisas Clínicas IOP e o Oncoville, centro de radioterapia.

 

Destaques para a parceria com o Hospital Marcelino Champagnat, desde dezembro de 2021, assim como a parceria com o Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Vale ressaltar que o IOP é a única clínica do sul do Brasil a fazer parte da Rede Einstein de Oncologia e Hematologia, para discussão de casos, troca de conhecimentos e encaminhamento de casos raros e mais complexos quando necessário.

 

Com 87 médicos no corpo clínico e 184 colaboradores, o IOP oferece os mais avançados tratamentos no câncer, conjugando Medicina de qualidade, tecnologia e humanização. Conta ainda com uma equipe multidisciplinar, incluindo Nutrição, Psicologia, Enfermagem e Farmácia para o enfrentamento positivo da doença. Os tratamentos de ponta ainda são beneficiados com diferenciais como cromoterapia, aromaterapia e musicoterapia.

 

Siga o IOP nas redes sociais:

Tags